110413-A-verdade-sempre

A verdade

Giordana Bonifácio

Qual é o segredo que seus lábios cerram?

O que faz quando não há ninguém olhando?

Quais são as dores que seus pulmões não berram?

Quais são os amores que ainda está forjando?

 

Que infernal mudez seus medos enterram!

Até quando está seu peito sangrando!

Com outras almas que já sem rumo erram,

Quer você erguer o que está desabando.

 

Por que congela frente à realidade?

Nesse mutismo que não gera nada?

Será que repudia assim a verdade?

 

Segure a minha mão para ir em frente.

A verdade é como um corte de espada.

Porém, não poderia ser diferente.

Anúncios
Categorias: Uncategorized | Tags: , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: