Será

Giordana Bonifácio

Será que pode escutar meus tristes acordes.

Que ressoam aos ouvidos dos mais altos lordes?

Será que pode imaginar a mágoa em meu peito,

Que reprime a dor quando choro sobre o leito?

 

Será que pode enxergar  o sofrer do poeta,

Que resta caído na sarjeta mais abjeta?

Será que pode ver estes pulsos cortados,

Que resultam das dores de um duro passado?

 

Será que pode entender o ressentimento,

Que me arrebata, quando recordar invento?

Será que pode entender toda minha aflição,

 

Que resulta da minha terrível condição?

Será que pode apenas se apiedar de mim?

Que para minha dor sei que não existe fim.

Anúncios
Categorias: Uncategorized | Tags: , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: