Torturando-me.

Giordana Bonifácio

Vivendo nesse mundo de solidão apenas.

Sobrevivendo desta vida a duras penas.

São tantos sofrimentos, dores infinitas.

E eu queria escrever só palavras bonitas.

 

Mas existe essa escura nódoa em minha alma,

E a insônia evita que minha noite seja calma.

Há tantos sonhos que considero perdidos,

Desejos transformados em danos sofridos.

 

Será que me ocorre tudo de modo inverso?

Meu final feliz foi vivido no passado?

Essa amarga existência é fonte de meu verso.

 

Creio que para esta vida estou sempre atrasado.

Sei que eu sou comigo o tirano mais perverso,

O homem mais vil que jamais houvera pensado.

Anúncios
Categorias: Uncategorized | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: