A partilha dos sentimentos

Giordana Bonifácio

O que aconteceu conosco, tudo acabou e fim?

E o que fomos? É agora uma amarga recordação?

E o que vivemos? Terá sido mera ilusão?

Na partilha, o amor que sentíamos coube a mim.

 

Eu sei, promessas são muito fáceis de esquecer.

De repente meus sentimentos viraram pó.

E aqui nesse quarto entre mil fotos estou só.

O que fez nosso sólido amor enfraquecer?

 

Eu culpo o tempo, algoz de todas as relações.

Mas foi você que por fim determinou: basta!

E restaram-me apenas estas divagações.

 

Não sei explicar, nossa relação estava gasta…

Paixão perene não é, muda com as estações.

E o terrível cotidiano aos amantes afasta.

Anúncios
Categorias: Uncategorized | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: